Por

Onde a Empresa Também Faz Parte da Folia

Publicado quarta-feira, fevereiro 7, 2018

Atividades artísticas ligadas ao Carnaval 2018 vão movimentar R$ 6,2 bilhões –  segmentos de alimentação fora do domicílio (bares e restaurantes), transporte rodoviário e aéreo, serviços de alojamento em hotéis e pousadas responderão por cerca de 85% de toda a receita gerada no período. É a maior festa brasileira e a que mais gera resultado para a economia.

E atrás dessa folia estão as empresas que patrocinam eventos ou promovem ações especialmente desenhadas para atrair venda ou reforçar marcas muitas vezes de segmentos que pouco têm a ver com a esbórnia coletiva que há muito tempo deixou de ocupar quatro dias – agora já são em sete, que podem chegar a quinze.

uberDesfiles de Escola de Samba carioca fizeram parte do cardápio salvador que o Uber ofereceu para algumas, diretamente, pois via Liesa (Liga das Escolas de Samba, do Rio de Janeiro), não entrou nenhum tostão por parte de ninguém. Carnaval, aliás, foi o foco principal dessa empresa de aplicativo de transporte que entrou fortemente nesse nicho em 2018. Se no Rio patrocinou Escolas, em São Paulo mirou nos blocos – em 32 para ser exato. Bicho Maluco Beleza, com Alceu Valença; Frevo Mulher, com Elba Ramalho; Monobloco, Acadêmicos do Baixo Augusta e Confraria do Pasmado. No Parque do Ibirapuera instalou tenda de apoio com ponto de wi-fi gratuito, área de descanso e distribuição de águas e de leques de papel.

Também estendeu o braço para ajudar no Carnaval de Recife, Olinda, Salvador, Belo Horizonte, Florianópolis e Goiânia. Em Brasília patrocina o tradicional bloco Suvaco da Asa, cuja referência viu boa parte despencar dias antes de começar o evento.

99Mas o concorrente 99 também não quis ficar atrás e comprou o direito de ser o transporte oficial do Carnaval de Rua de São Paulo, o que lhe deu a vantagem de poder espalhar vans gratuitas durante a folia e desfilar sua marca ao lado de 490 blocos pelos bairros paulistanos. Para pegar uma van de graça basta mostrar o aplicativo da 99 e estar em bairros movimentados como Pinheiros ou Vila Madalena.

ollaQuem aproveita o embalo são aquelas marcas que tem afinidade com o que ocorre no Carnaval – a Olla, por exemplo, tem tudo a ver e não economiza. Está patrocinando os carnavais de rua de São Paulo, Rio de Janeiro e Salvador; no digital, Cleo, Pablo Vittar e Lucas Lucco formam a Liga da Pegação, que “defende a pegação com muito respeito, sem preconceitos e sem tabus”, conforme é indicado no material de divulgação da empresa. Olla, para quem não sabe, é marca de preservativo masculino. Já a TENA, segundo sua gerente de Marketing da marca, Carla Girolamo, escolheu o Carnaval para comunicar a linha de absorventes específicos para escape de urina TENA Lady Discreet, com o intuito de “mostrar para a sociedade que é possível ser incontinente e ter uma vida plena com o apoio de produtos que oferecem às mulheres proteção e discrição no dia a dia”.

engovOutra que tem certa afinidade com a festa momesca é o Engov, que vai marcar presença em mais de 20 “bloquinhos” de rua nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e, pela primeira vez, no Carnaval de Olinda (PE), levando bonecos e ações divertidas para interagir com os foliões. No Rio de Janeiro, a marca vai refrescar o povo com spray de água em blocos como Escangalha, Barbas e Rebarbas, Areia, Virtual e Bunytos de Corpo. Em São Paulo, a farra se estende no dia 18, onde os promotores prometem “continuar refrescando” o público nos blocos Orquestra Voadora, Baiana System, Farofada e Bloco do Síndico. Também está prestigiando a Escola de Samba Vai-Vai, cujo enredo homenageia Gilberto Gil.

Quem também vai se esbaldar durante a festa é a Hering, que entrou com tudo no Carnaval baiano e estará ao lado de Preta Gil no Camarote Expresso 2222, que na noite de inauguração vestirá “look” com criação da marca, que também produzirá as estampas e abadás do camarote. Novidade desse ano será a “BLACKTAPE”, mistura de festa e boate localizada no Edifício Oceania, diante do imponente Farol da Barra. Para fechar o Carnaval, bem adequado ao clima, a tradicional Feijoada da Preta terá as camisetas fornecidas pela marca nesta que é uma tradicional “resenha da folia” entre amigos e convidados da cantora, que se reunião no sábado do desfile das Escolas campeãs do Rio de Janeiro.

Pet Model Brasil

Foto: Lionel Falcon

ESPAÇO PARA TODOS – Mas se a efeméride atrai empresas que têm tudo a ver, também é democrática ao ponto de se deixar querer por aquelas que aproveitam o embalo para vender seu peixe, ou cão, como foi o caso da Pet Model Brasil, agência de modelos pets, que montou uma galeria de imagens com cachorros envolvidos por confetes, serpentina e muita animação; ou a Calçados Bibi, que tem projeto itinerante com ações lúdicas voltadas para que crianças possam desenvolver a criatividade e aprender conceitos relacionados à sustentabilidade, como a confecção de brinquedos reutilizando as caixas de sapato de papelão da marca e produtos reciclados. Utiliza uma Kombi customizada a quem chama Kombibi, levando atividades diversificadas ao público infantil usando balões coloridos, tatuagens e adesivos. Escola Morumbi, em Moema, e Esporte Clube Pinheiros, terão dias diferentes durante o Carnaval.

A Livraria Cultura e a Fnac promovem até dia 14 o Carnaval de Ofertas, onde clientes poderão encontrar promoção em séries de TV com desconto de até 50%; livros com 15%, CD’s com 40%.  Para crianças há brinquedos com 20% e para adulto tem até Robô Aspirador de Pó com wi-fi a R$ 1,4 mil quando o preço normal é (diz a empresa) R$ 1,9 mil.

ItaipavaSobre cerveja não é necessário escrever. Brahma e Itaipava se esbaldam com camarotes vips, embora a segunda tenha exclusividade nos desfiles da Sapucaí – são mil m² para abrigar 600 pessoas em três andares. De quebra distribui a presença exclusiva da modelo Aline Riscado pelos carnavais do Rio, Salvador, Votuporanga e Recife.

Não é à toa que essa festa movimenta R$ 6 bilhões no espaço de 15 dias. E quem garantiu esse número foi a pesquisa da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). O que ela não abrangeu foram os vários patrocínios que empresas fizeram com uso de lei de incentivo – somente via lei Rouanet foram captados R$ 11 milhões, conforme levantamento divulgado pelo Ministério da Cultura. Por ele se nota a forte influência do Uber e da Sagres Investimentos no resultado final, onde a Portela foi quem mais se deu bem e a Liesa (a Liga das Escolas cariocas), que busca R$ 15 milhões, quem mais se deu mal: não viu um real até agora.  (Os dados do Ministério podem ser acessados por aqui).

Já a Liga das Escolas de São Paulo fechou parceria até com a maior rede de escolas de Osteopatia do mundo: a espanhola Escuela de Osteopatía de Madrid Brasil (EOM Brasil). O folião que estiver com hérnia e dores nas costas, enxaquecas, problemas gástricos em geral, fibromialgia, infertilidade feminina, lesões esportivas e outros problemas, terá dois pontos de atendimento localizados na recepção do Pavilhão Oeste do sambódromo do Anhembi, e no hall de entrada do Auditório Celso Furtado. Osteopatia é uma especialidade da Fisioterapia, muito utilizada por atletas, esportistas, portadores de dores crônicas e outras disfunções. Poderá ser muito útil no Carnaval.

LEIA TAMBÉM: Investimento Social Privado. Houve queda, mas vai aumentar